Está casa em Londres me deixou completamente fascinada. Está cheia de capitonês, de mobiliário antigo, peças recicladas, lindas luminárias (algumas delas, são verdadeiros ícones do design) e luz natural, o que para Londres não está nada mal.

03

01

02

Eu pessoalmente removeria a taxidermia que vejo em algumas imagens e não quero nem pensar que o coelho (que parece uma lebre) da terceira imagem no lugar de uma mascote viva, seja um animal dissecado, más pelo que li em uma entrevista, eu temo que sim.

06

04

05

Enfim, se não fosse isso, me mudaria para lá agora mesmo. Ah, está casa é do artista Rory Dobner. O seu trabalho, que incluí pelo que eu pude ver o interiorismo de sua casa e de sua loja em Londres. Sim, eu amei a casa. Eu destaco aqui a área de trabalho, com a bancada desgastada, e o lindo arranjo na parede. O canto do sofá com o luminoso vermelho na parede é outro ponto a destacar.

09

07

08

O sofá sozinho já é um show à parte, más está muito bem acompanhado, pelas almofadas e pelo arranjo de pratos na parede. A casa é bem servida de sofás e poltronas, como o par em couro marrom, encaixado em baixo da janela, como não poderia deixar de ser, a bandeira inglesa está presente no ambiente. Um pouco diferente do restante da casa é o quarto principal com menos detalhes decorativos, o lustre e a manta amarela aquecem o ambiente.

12

10

11